Ellen Cardoso, mais conhecida pelo público brasileiro como a Mulher Moranguinho, se viu obrigada a prestar queixa de agressão contra seu marido, o cantor Naldo Benny.

No depoimento Moranguinho, afirmou veementemente que seu esposo a agrediu com puxões de cabelo, socos, tapas, e ainda teria recebido um golpe com uma garrafa.

Segundo informações, toda a confusão teria começado quando Naldo decidiu pegar o telefone de sua esposa e que a motivação das agressões teria sido uma discussão motivada por ciúmes.

Após as agressões, Moranguinho não teve dúvidas e decidiu procurar ajuda na polícia e denunciar o marido. Contando com bases da Lei Maria da Penha, Ellen solicitou medidas protetivas.

Na última segunda-feira, 04/12, o Ministério Público formalizou a denúncia contra o cantor por lesão corporal decorrente de violência doméstica e ameaça. Logo a denúncia foi aceita pela Juíza Ana de Paula Delduque Migueis Laviola de Freitas, que atua no 3.º Juizado de Violência Doméstica de Jacarepaguá.

A juíza, determinou que Naldo mantenha uma distância mínima de 100 metros da esposa, testemunhas do caso e de seus familiares. Ele também está proibido de tentar ou ter contato com Ellen usando qualquer meio de comunicação, inclusive a internet.

O cantor foi autorizado a retirar seus pertences da residência onde morava com a esposa, entretanto, ele não pode permanecer na casa em hipótese alguma.

O casal mora na Freguesia, na Zona Oeste do Rio de Janeiro. Logo que Ellen procurou a DEAM e registrou sua queixa, foi decidido que as autoridades fizessem uma busca na casa deles, porque Moranguinho afirmou que o marido mantinha uma arma em sua residência.

As buscas foram realizadas e as autoridades confirmaram a denúncia ao encontrarem a arma relatada que não possuía registro. Mediante aos fatos, Naldo foi preso em flagrante, mas pagou fiança e foi liberado.

Ficamos no aguardo para novas informações.

Compartilhe com seus amigos!