O jornal britânico Mirror publicou nesta quarta-feira (22) uma reportagem em que denuncia jovens que estão usando sites de relacionamento para se prostituírem. O site em questão é o Seeking Arrangement, conhecido pelos irlandeses.

Com o objetivo de juntar casais, a rede social está virando um local para que jovens, que buscam melhora financeira ou uma maneira de pagar os estudos, se encontrem com estranhos por dinheiro. Os repórteres do jornal ficaram 24 horas online e receberam quatros propostas para ter relações pagas, uma inclusive, esperava conseguir cerca de 4 mil euros, ou quase R$ 15 mil.

Os jornalistas ficaram impressionadas com alguns depoimentos. Uma das garotas disse que o cenário dos relacionamentos normais é um pouco difícil nos dias atuais, assim o site é perfeito para esse tipo de negócio. Ao todo, 15 jovens foram identificadas como acompanhantes durante a investigação do jornal, sendo que nove são estudantes. A maioria cobrou entre 300 e 400 euros para ter relações sexuais. O valor seria um pouco mais de R$ 1 mil, se fosse no Brasil. A maioria delas também prometia que os encontros poderiam ser facilmente arranjados.

Ao serem questionadas se não sentiam medo em sair com estranhos, as jovens relataram que não tinham problemas com isso. Uma delas, inclusive, afirmou que apenas dizia a colega de quarto que iria sair, mas nunca dizia o que realmente ia fazer. Para chamar atenção dos homens no site, as js jovens postam fotos provocativas, pedindo que os rapazes entrem em contato.

Mas, quem mais chamou atenção foi uma jovem que pedia 4 mil euros para ter relações sexuais. A garota, que assim como as outras não teve o nome revelado, afirmou que queria abrir o seu próprio salão. No perfil dela, a mensagem era de que ela espera que alguma boa alma doasse o valor. Em troca, a jovem iria “recompensar” o doador.

Conforme a publicação, o número de garotas que usam o site para pagar os estudos ou conseguir melhorar a vida financeira, teria dobrado nos últimos quatro anos. Os donos do site não quiseram fazer declarações sobre a rede social estar sendo usada para prostituição.

Compartilhe com seus amigos!